Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

Carta para os que acham impossível o ateísmo espírita

Imagem
Prezados senhores
Sei que não lhes agrado com este site que vai contra as suas convicções pessoais.
Mas além de ter o direito a minha livre expressão tenho a responsabilidade de lançar minha tese.
A tese de que é impossível um universo estar sob o controle de um homem, espírito ou alguma figura humana.
Vocês que se consideram tao racionais, não repararam nisso?
Para o mundo espiritual existir, tem que haver uma liderança humana?
Acham que se cada lugar no planeta tem o seu líder humano, o universo deveria ter também?
Que concepção materialista do mundo espiritual!
Esquecem que Kardec pode ter se referido a Deus metaforicamente para não desagradar a influente Igreja Católica de seu tempo?
Pois é arraigada a ideia equivoca de que mundo espiritual é assunto religioso.
Esquecem também que nem tudo tem a obrigação de estar sob o controle humano.
A natureza é auto-controlável. A natureza da matéria e do que não conhecemos como matéria.
As regras são perfeitas. Não precisa de um homem para controlá-las.

Ateísmo de Direita: quando a fé se transfere para assuntos políticos

Imagem
Um comentário curto, mas sensato, foi publicado em uma comunidade em uma rede social: "Ateísmo de direita não faz sentido". Embora muita gente ache que sim, se observarmos com a lógica e colocarmos as peças na mesa, vamos concluir que ateísmo não combina com ideias de direita.

Sabemos que ideias de direita costumam cultuar lideranças, algo incompatível com o pensamento ateu, que recusa a crença em qualquer tipo de divindade, que na verdade são espécies de "lideranças espirituais" para quem acredita.

Pensei bastante sobre o assunto e concluí que os direitistas que se consideram ateus não estão sendo realmente ateus. Trocaram a fé religiosa pela fé na política. Trocaram as divindades pelo grande empresariado. E continuam a lançar teses com base na fé cega e desprovidas de racionalidade. Aliás, nunca vi um direitista dizer algo sensato que comprove a validade de suas convicções.

"Ateus" de direita transferem a fé para assuntos políticos

Os ateus de direita não d…

O silêncio dos "espíritas" diante do golpe, da crise e das pioras que estão por vir

Imagem
O "Espiritismo" brasileiro se orgulha de ser "racional".
Mas essa fama está por ir água abaixo.
Os "espíritas agem como se vivessem no mundo da lua. Ou no plano "espiritual".
Nenhum "espírita" demonstrou preocupação com os rumos do país.
Nenhum "espírita" propôs soluções racionais para a crise que se instala no país.
Querem ser diferentes mas copiam os pentecostais: propõem orações. Somente orações.
Orações que não resolvem nada, principalmente diante de problemas criados por um governo irresponsável como o que acaba de se instalar.
Um governo se instala através de golpe e toma medidas que já começam a arruinar as vidas dos brasileiros.
E os "espíritas" fogem do assunto, demonstrando otimismo.
Certamente por achar que orações, sopas aguadas e agasalhos rasgados e mofados salvarão o país.
Talvez queiram que o "Deus" deles, o tal do Chico Xavier venha interferir com sua passividade igrejeira. O mesmo Xavier que defendeu a …

Não precisamos acreditar em divindades para fazermos o bem

Imagem
É tradição em nosso país de considerarmos a bondade como subproduto da religiosidade. Muitos ainda defendem que é impossível ser bondoso sem acreditar nos absurdos que as religiões professam. Para eles, a bondade deve seguir "regras" impostas por um ser cuja existência ainda não foi comprovada, mas que ainda conforta o imaginário de muitos que necessitam de um amigo imaginário a lhes - supostamente - proteger.
Mas o bom senso alerta que não precisamos crer em divindades ou em dogmas ara sermos bondosos. Pelo contrário, a não crença tem sido muito mais eficiente na sua capacidade de auxílio ao próximo, pois a crença em dogmas não raramente tem imposto limites na hora de se praticar um altruísmo que realmente dê resultado.
A bondade na verdade nasce da noção que temos que todos deveriam viver bem, com alcance pleno a direitos essenciais. A racionalidade que garante a observação lógica dos problemas nos permite resolvê-los com mai eficiência e proporcionar um bem estar definitivo…