Postagens

Mostrando postagens de 2018

Senso comum só considera escândalo quando envolve dinheiro, sexo ou violência

Imagem
Para a maioria das pessoas, escândalos envolvendo religiões s[o são considerados como tais quando envolvem dinheiro, sexo ou violência. 
Isso é o que faz o "Espiritismo" brasileiro seja respeitado pelo senso comum (e os neo-pentecostais, envolvidos em escândalos financeiros, não sejam). Seus escândalos, normalmente colocados para "debaixo do tapete" tem mais a ver com a deturpação da doutrina e a difusão de dogmas estranhos e opostos ao Espiritismo original codificado na França.
Houve também um escândalo com declarações anti-humanistas deitas por Divaldo Franco. Mas rapidamente a assessoria do médium conseguiu abafar o caso, impedindo que a repercussão crescesse e prejudicasse a imagem do "médium", considerado uma "divindade viva".
Mas o "Espiritismo" brasileiro também tem escândalos envolvendo dinheiro, sexo e violência. Só que são cuidadosamente escondidos da opinião pública.
Dinheiro: o estranho enriquecimento de lideranças (princi…

Olavo de Carvalho é a nova "liderança" do "Espiritismo" brasileiro?

Imagem
A tranquilidade mostrada pelos meios oficiais do "Espiritismo" brasileiro diante da chegada ao poder de um fascista como Bolsonaro, em confronto com a preocupação mostrada no último governo de Dilma Rousseff, dão a entender que a versão deturpada da doutrina já escolheu seu lado e não é o da população e nem o de governos comprometidos com o progresso do Brasil.
Apesar de não assumir publicamente, a Federação que controla o "Espiritismo" brasileiro, FeB, deixa claras as intenções de apoiar Jair Bolsonaro, fato coerente com o direitismo sempre mostrado pela FeB desde que se instalou no país importando os ideais de Jean Baptiste Roustaing (apesar de usar Allan Kardec como "cartório" ideológico para seus dogmas absurdos).
A adesão a Bolsonaro é demonstrada discretamente através da omissão. Não houve qualquer texto que mostre preocupação com a chegada de um fascista a Presidência da República, conquistada às custas de muitas mentiras e muitas ofensas. Muitas …

Ídolo de Divaldo Franco aceita integrar governo neonazista

Imagem
Sérgio Moro, o juiz de primeira instância que prendeu Lula por motivos políticos, acaba de aceitar o cargo de Ministro da Justiça no governo de Jair Bolsonaro, com características neonazistas que se explicitam cada vez mais. 
Moro foi convidado antes das eleições, o que aumenta ainda mais a sua parcialidade como juiz que combate políticas progressistas a mando dos Estados Unidos, para onde viaja com suspeita frequência.
Acontece que Moro é o mesmo juiz elogiado pelo "sábio" Divaldo Franco, uma espécie de "papa" do "Espiritismo" brasileiro, sendo considerado pelo líder-charlatão como um "enviado dos planos superiores" com a "missão de moralizar a humanidade". Uma tolice facilmente derrubável.
Vai pegar muito mal para Divaldo, um charlatão denunciado como farsante por Herculano Pires, mas consagrado como "humanista" e "defensor dos pobres", o apoio ao um governo neonazista que pretende eliminar boa parte da população…

Moralismo religioso impulsiona Bolsonaro e direciona Brasil para uma rota suicida

Imagem
Infelizmente, as pesquisas mostram o crescimento do candidato neonazista Jair Bolsonaro, com amplo apoio popular de pessoas mal informadas sobre política. Sem saber que o projeto de governo do ex-capitão tem todas as condições de prejudicar o povo e afundar o Brasil, a população segue iludida graças a avalanche de mensagens que lançam mão do moralismo religioso e da aversão a estereótipos de criminalidade e corrupção.
Por ter apoio de poderosas forças estrangeiras, reveladas agora com a participação do publicitário neonazista Steve Bannon como coordenador da campanha de Bolsonaro, este segue firme na disputa presidencial, mesmo claramente incapaz de governar o país com racionalidade. 
O sucesso de um, digamos, bronco como Bolsonaro, só se explica pela omissão do verdadeiro programa de governo do candidato, substituído pelas críticas ao adversário Fernando Haddad e por apologias a valores relacionados com o mais retrógrado moralismo cristão e a "valentia" e "integridade…

O que as pessoas entendem como coisas "espirituais"

Imagem
Dá para entender o porque das pessoas acharem absurda a ideia de um ateísmo espírita ou de um Espiritismo ateu. As pessoas tem um conceito próprio do que significa a palavra "espiritual", achando a impossível a realidade de um mundo espiritual sem divindade e religiosidade.
Na verdade, a palavra "espiritual" surge para dar um caráter de "realidade" a coisas não-existentes, como dogmas e divindades religiosas. para ninguém parecer doido em acreditar em fantasias, inventa-se que tais fantasias são coisas "do espírito" e isso dá a impressão de serem reais, apesar de invisíveis aos olhos do corpo.
Para o senso comum "espiritualidade" e "religiosidade" parecem sinônimas, embora não sejam de fato. Como falei, a palavra "espiritual" serve como desculpa para que dogmas e divindades pareçam verdadeiros embora existam apenas nas cabeças dos que acreditam. Como dogmas e divindades dispensam provas, basta por o rótulo de "…

O "Espiritismo" brasileiro quer Bolsonaro?

Imagem
Não dá para negar que o "Espiritismo" brasileiro apoiou o golpe. Ancorado não na lógica, mas no mais podre moralismo religioso, decidiu eleger a abstrata corrupção como "maior mal do país" e se uniu às forças que exigiram a saída de uma presidenta honesta para colocar uma horda de piratas e mafiosos no lugar. O resultado é a crise crescente que temos hoje.
Mas até agora não vemos um retratação de "espíritas" quanto a isso. No lugar, vemos, quando a Lava Jato e o golpe estão totalmente desmoralizados, Divaldo Franco defendê-los de forma convicta, da mesma forma que Chico Xavier, que defendeu a ditadura militar quando ninguém a defendia mais. 
A ausência de algum representante da "seita de papalvos" entre os religiosos que visitaram Lula, joga mais lenha na fogueira do apoio "espírita" ao golpe que prejudica milhões de brasileiros. Afinal o que os "espíritas" querem para a nação que eles acham que lideraria o mundo a partir de…

Que tipo de bondade quer fazer o "Espiritismo" brasileiro?

Imagem
É preciso que repensemos nossos conceitos sobre bondade. Uma bondade que não transforma, que só serve de compensação para um bem estar nunca atingido é uma enganação e no fundo nunca passou de mera esmola. E esmolas nunca transformaram vidas.
Ainda mais que os "espíritas" apoiaram claramente o golpe de 2016, que eliminou direitos indispensáveis à dignidade humana em prol de um enriquecimento financeiro das forças econômicas que governam de form secreta o nosso país. Verdadeiros especuladores que nunca mostram a cara e por isso agem livremente sem despertar desconfiança.
Será que os "espíritas" vão continuar nesta forma de caridade que em nada traz dignidade a população mais carente? Vimos Divaldo Franco, supostamente a maior liderança do "Espiritismo" brasileiro apoiar uma campanha em que algo parecido com comida para cachorro era oferecido para acabar com a fome da população carente. Francamente, senhor Divaldo!
Em mais de 130 anos de "Espiritismo&q…

Divaldo e a Lava Jato - alguns esclarecimentos

Imagem
Para "espíritas" (da linha deturpada - os originais não o reconhecem como líder), Divaldo Franco é um "espírito de máxima evolução, enviado para a Terra para orientar e auxiliar a humanidade) e por isso ele é altamente influente para a versão deturpada da doutrina, lotando palestras e transformando declarações suas em leis inquestionáveis.
Apesar da entrevista dele dada em Goiânia ter gerado um escândalo, que de fato incomodou mais os que já não acreditavam nele, que assinaram um manifesto pedindo para que o suposto médium não falasse em nome da doutrina, Divaldo segue impune espalhando suas ideias estranhas à doutrina original como se kardeciana fosse, enganando muita gente, apesar de satisfazer a ânsia passional de muitos incautos e incultos que ainda vem no orador um exemplo máximo de humanismo.
Divaldo havia falado que ps integrantes da duvidosa operação Lava Jato eram "missionário da ordem do bem, enviados pelo Plano Superior Divino". Eu gostaria de faze…

Crença em Deus é exigência social

Imagem
Você acha lógico que o universo, infinito e em expansão, esteja sob o controle de uma única pessoa? Pode ser que você não ache, mas gigantesca parte da humanidade acha não somente possível como irrefutável. Para muitos, tudo que acontece no universo existe graças ao comando de uma única pessoa, uma liderança ultrapoderosa conhecida como "Deus".
Na verdade, a crença e Deus, além de ser um instinto, ligado a nossa necessidade de ter um tutor, mesmo irreal, pois ainda nos achamos incapazes de fazer as coisas por conta própria, foi consagrada através dos tempos por lideranças que se julgavam "enviadas" por esta entidade divina e que conseguiam convencer muitas pessoas incapazes de entender que a natureza é auto-gestora, dispensando a ação de seres humanos para que tudo ocorra de forma adequada.
Somada a confiança em lideranças religiosas que se aproveitam do caráter de divinização para que se tornem "absolutos" e por consequência, altamente influentes, a cre…

O mal que o "espiritismo" deturpado brasileiro faz à humanidade

Imagem
Desde criança, ouvimos coisas como: "filho, não brinque com almas penadas, pois nunca se sabe o que elas são capazes de fazer". Um conselho sábio. Mas um grupo de velhinhos supostamente amadurecidos desobedeceu este conselho e transformou o "Espiritismo" brasileiro numa brincadeira de Caça-Fantasmas.
Desde que chegou ao Brasil, o "Espiritismo" já surgiu deturpado, igrejista e apelando para fraudes para poder se justificar. Mas também desde o início, também apareceram homens sérios dispostos a denunciar a farsa da deturpação, como Angeli Torteroli e André Dumas, além de intelectuais como Deolindo Amorim, Gélio Lacerda e o conhecido José Herculano Pires, todos dispostos a devolver o Espiritismo ao cientificismo original.
Mas os deturpadores tinham costas largas e objetivos faraônicos. desejavam ser a religião oficial de toda a humanidade. Por isso emporcalharam a doutrina com um festival de enxertos contraditórios sob a malfadada desculpa de "ecumenis…

Nova pesquisa mostra que ateus são mais inteligentes que religiosos

Imagem
Antes de começar esta postagem, é preciso esclarecer que o resultado desta pesquisa nada tem de ofensivo. É nítido o fato de que a fé trava a racionalidade por estar mais ligada a emotividade. Coração não foi feito para pensar e serve apenas para bombear o sangue. Mesmo que religiosos sejam inteligentes, no assunto da religiosidade eles resolvem por os cérebros para descansar.
Um grupo de pesquisadores ingleses ligado à Psicologia chegou a conclusão de que ateus são mais inteligentes que religiosos. A mesma pesquisa concluiu que agnósticos se situam em nível intermediário, mais inteligentes que religiosos, porém menos que ateus.
O problema dos religiosos, a nosso ver é que não conseguem compreender os absurdos e contradições dos dogmas religiosos, além de aceitarem tranquilamente que o infinitamente imenso universo é governado por um homem com superpoderes que só vive escondido. Além disso, ateus tem mais coragem de verificar os dogmas religiosos através da racionalidade, enquanto re…

Porque não damos ouvidos a Herculano Pires?

Imagem
Herculano Pires foi o melhor tradutor da obra de Allan Kardec. Foi também o que mais entendeu a doutrina original, sendo seu maior defensor. Tinha uma relação de amizade com integrantes da FEB e com Chico Xavier, mas discordava completamente da prática e da ideologia destes. 
Discordava tanto que chamou a religião liderada por Xavier de "seita de papalvos" (papalvo=ingênuo), por causa da bagunça doutrinária instaurada dentro da versão brasileira da doutrina.
Mesmo assim, Herculano sempre se mostrou um homem sério, sem um único arranhão em sua trajetória. Claro que não era perfeito como ninguém também não é. Mas se errou, seus erros não conseguiram manchar a doutrina, do contrário de outras lideranças que não cessam de praticar erros e transformar o Espiritismo em um Parque de Diversões.
Herculano havia alertado sobre o charlatanismo de Divaldo Franco. Apesar de discordar de Xavier, referiu evitar polêmicas com este por causa de amizade e por este ser um ídolo da opinião púb…