"Espiritismo" brasileiro escapa das críticas de ateus

Ateus sempre alertam para os erros das religiões. Religiões são criadas por homens interessados em liderar multidões e para isso lançam mão de estórias absurdas para manter os seguidores hipnotizados e submissos. As críticas são coerentes e justas, pois não precisamos da influência das religiões.

Quase todas as seitas e religiões são bastante criticadas pelos seus abusos. Mas uma raramente é lembrada, escapando de críticas: a seita que os brasileiros conhecem como "Espiritismo". Curiosamente a mais desonesta de todas as religiões, por seguir na prática pontos que entram em contradição com a doutrina original que assumem.

O "Espiritismo" brasileiro é ignorado pelas críticas feitas pelos ateus por dois motivos: discrição e mito de supostos altruísmo e honestidade. Não apenas os pontos originais da doutrina são desconhecidos no Brasil como os bastidores do que acontece dentro de centros e diretorias passam bem longe do conhecimento da opinião pública. Os erros do "Espiritismo" brasileiro carecem de denuncias feitas pela mídia ou por pessoas altamente prestigiadas e formadoras de opinião.

Segundo a opinião pública e o senso comum, o "Espiritismo" brasileiro é uma religião que acredita em vida pós morte, reencarnação e comunicação com espíritos. É estigmatizado como altamente filantrópico embora sua atuação no ativismo social não passe do pífio e do paliativo, sendo incapaz de realizar grandes transformações socais, o que justificaria a "santidade" de médiuns e líderes.

Esta imagem que une a discrição, a suposta honestidade e um pouco de altruísmo tem feito com que o "Espiritismo" brasileiro seja respeitado pela opinião pública, apesar das deturpações doutrinarias e das disputas internas que ocorrem nos bastidores, bem ao longe dos olhos da população.

Falta alguém com poder de influência para mostrar que o "Espiritismo" brasileiro erra tanto ou mais que os neo-pentecostais. Pois mesmo com todos os defeitos, o "Espiritismo" brasileiro possui uma grande vantagem perante as outras seitas: é discreta.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em franca decadência, "Espiritismo" brasileiro, consagrado como uma igreja, apela para não acabar

Espíritas e "espíritas" que recusam a possibilidade do ateísmo espírita não podem falar em ciência

Alegada "impossibilidade" de ateísmo espírita tem origem nos dogmas de Chico Xavier